Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Precaver é preciso

Vem pra Caixa (dos advogados) você também

Publicado

Foto/Imagem:
Pontes de Miranda Neto II

Magalhães Pinto tinha uma frase, compartilhada por Ulysses Guimarães, sobre ser a política como nuvens. Viu, piscou, mudou. Virou folclore. A vida é assim. Do mesmo Magalhães Pinto, era o Banco Nacional, aquele do guarda-chuva, pois ninguém sabe o dia de amanhã. Essas lembranças servem para ilustrar uma história que sensibiliza muita gente, inclusive os menos emotivos; e, claro, para provar que um ‘guarda-chuva’ socorre nos momentos mais imprevistos, em especial quando mexe com a saúde da gente. É quando nos sabemos humanos que toca a sineta cerebral, despertando para a realidade. Uma estória que vai ficar para a História é relatada por Bruno. O vídeo abaixo diz tudo. Ah, o ‘guarda-chuva’ em questão é a Caixa dos Advogados da OAB-DF. Assista. E mantenha uma caixa de Kleenex ao alcance das mãos.

 

Publicidade
Publicidade