Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


GP do Canadá

Verstappen mergulha fundo nas águas de Montreal e leva a pole

Publicado

Foto/Imagem:
Antônio Albuquerque, Edição

Max Verstappen ajustou o leme da sua Red Bull, pisou firme na chuva que caía em Montreal e garantiu neste sábado, 18, mais uma pole na Fórmula 1, confirmando, até aqui, o favoritismo da sua equipe para vencer o GP do Canadá que será disputado neste domingo,19. A primeira fila teve surpresa: ao lado ele largará o veterano Fernando Alonfo, da Alpine, que volta a largar na primeira fila após dez anos. A segunda fila terá Carlos Sainz, da Ferrari, e Lewis Hamilton, da Mercedes.

As condições úmidas que atrapalharam o terceiro treino livre se mantiveram até o fim do Q2. A classificação foi paralisada pelas batidas de Alexander Albon e Sergio Pérez ainda no começo do segmento intermediário. Sem sem o colega d equipe Verstappen largará desprotegido. Mas como o holandês sobrou nos treinos livres da sexta-feira e conquistou sua 15ª pole da carreira e a segunda do ano, as probabilidade de vitória são grandes.

Hamilton conseguiu superar o colega George Russell, que parte em oitavo. É a melhor posição inicial do heptacampeão em 2022, desde o quinto lugar no grid da Austrália. A dupla da Mercedes veio com mais força no Q2 com aparições provisórias no segundo posto, embora a diferença para Verstappen, líder dos três segmentos, tenha permanecido grande.

Alonso, mais rápido do TL3, puxou a Alpine em um dia positivo sob pista molhada. Ele e Esteban Ocon, colega da equipe francesa e que larga em sétimo, andaram na frente no Q1 – com o bicampeão avançando nos segmentos seguintes.

Lando Norris sofreu com um problema de motor no fim do Q2 e ficou para trás. O segmento ainda foi marcado pelo bom desempenho de Guanyu Zhou; o novato da Alfa Romeo foi o único piloto da equipe a avançar para o Q3, pela primeira vez em sua carreira. Até então, sua melhor posição de largada fora um 12º no GP da Arábia Saudita. Charles Leclerc, que mexeu no motor da sua Ferrari, largará nas últimas posições.

A prova será disputada às 15 horas, provavelmente com chuva, com a Band prometendo transmissão ao vivo.

Publicidade
Publicidade