Está chegando o mês delas. Como escolher a bebida?

Carolina Paiva

A festa de casamento é o grande sonho de muitos casais. Cada festa é única e deve imprimir a personalidade do casal. Depois de definir data, local e estilo de casamento é preciso contar com uma boa organização, buffet, decoração entre outras coisas que farão desse momento único para todos presentes.

O cardápio é item de extrema importância em qualquer festa e a bebida tem papel fundamental na lista do casamento. Durante a festa existem bebidas que não podem faltar – são consideradas básicas em qualquer evento social.

Aqui, as noivas vão conhecer uma lista e dicas de bebidas que precisam ter presença confirmada na sua festa de casamento.

Para pautar o tipo de bebida que será servida é preciso considerar o horário, o cenário, e a estação em que vai acontecer a festa. É comum hoje em dia, oferecer uma variedade grande de bebidas no casamento – como drinks, caipirinhas, uísque, vinhos e espumantes e até cerveja.

Para casamentos que aconteçam durante o dia como no campo ou em parques, a bebida mais indicada é o espumante tanto o branco como rose. O ideal é optar sempre por bebidas mais leves no verão como o vinho rosé de fundo de frutas cítricas.

Se o casamento for ocorrer a noite a dica é apostar em um vinho mais encorpado, e para o inverno sempre escolher o vinho tinto, que harmoniza com o restante do cardápio.

É fundamental, ainda, considerar que um tipo de bebida não elimina o outro. Nesse caso, é bom optar pela diversidade é uma grande chance de agradar a todos os convidados.

Um ponto muito importante que faz toda a diferença na dinâmica do cardápio em relação às bebidas é como e em que momento elas serão servidas. Por exemplo, as bebidas destiladas só devem ser servidas no bar junto à bartenders na produção de drinks ou servir em pequenas doses.

Já os vinhos devem ser servidos em garrafas durante o jantar. Para cada tipo de vinho há um estilo de taça. Para vinhos tintos, deve-se usar a taça com bojo; para os espumantes, taça flute, já para os vinhos brancos ou rosé use uma taça tulipa ou bordeaux.

No caso das cervejas é adaptável a qualquer estilo de casamento. Para casamentos mais descontraídos – é legal servir cervejas long neck direto no bar ou apostar em um bar de cervejas com importadas, nacionais e artesanais.

O principal segredo com relação às bebidas de casamento é harmonizá-las de acordo com o cardápio que será servido. Antes de pensar na harmonização é preciso definir o estilo do serviço e o que conterá no cardápio.

Em casos de bufês de ilhas ou fingers food , a noiva deve escolher espumante, já que é possível harmoniza-los com as comidinhas do buffet. Para o buffet de pratos o mais adequado é harmonizar com um vinho tinto mais estruturado.

COMPARTILHE