Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Alírio descarta apoio a Cláudio e dá ultimato a Agnelo. “Serei senador”

Publicado

Foto/Imagem:


O secretário de Justiça Alírio Neto, presidente regional do PEN, descartou, em reunião com correligionários, aceitar a indicação de Cláudio Monteiro (PRP), secretário da Copa, para disputar a vaga de senador em outubro próximo. O nome de Cláudio foi tirado da manga do governador, como um Ás de Ouro capaz de somar votos para a campanha da reeleição.

Alírio (delegado de polícia) é adversário político de Cláudio (agente policial), desde a época de Câmara Legislativa. O agora secretário de Justiça foi chefe de Gabinete do secretário da Copa, mas, ‘mordido pela mosca azul’, como dizem velhos conhecidos dos dois, resolveu ingressar na carreira política atropelando o velho aliado.

Nomeado administrador do Guará, Alírio foi acusado de trair Cláudio e tentar carreira solo, minando a base do ex-padrinho.  Bem sucedido, virou deputado distrital. Já seu desafeto, não teve a mesma sorte. Amargou uma suplência durante anos e até hoje não conseguiu reaver o mandato de parlamentar.

Com uma eventual candidatura ao Senado, agora com a bênção de Agnelo Queiroz, o secretário Cláudio Monteiro acredita estar em condições de ‘dar o troco’ em Alírio Neto.  “Ele vai provar do próprio veneno”, teria confidenciado o secretário em almoço nesta segunda-feira 17, na galeteria do Lago Norte, com um grupo de policiais.

Ao tomar conhecimento desse almoço, Alírio procurou falar com Agnelo Queiroz durante toda a tarde, mas sempre ouvia de um interlocutor de Águas Claras que o governador estava com a agenda lotada.

Inconformado com o descaso, o secretário de Justiça mandou um recado: ou Agnelo abraça a candidatura ou Alírio antecipa a saída do governo, reassume o mandato de deputado distrital, passa para o lado da oposição e se alia a Eliana Pedrosa (PPS).

Para formalizar a aliança com o PPS, que vem costurando uma ampla coligação com o PSDB e o Democratas, Alírio exige apenas que o PEN indique o nome para disputar o Senado.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade