Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Amigas, chegamos (Michel Temer anuncia duas Marias para dirigir o BNDES e o Inep)

Publicado

Foto/Imagem:


Marta Nobre

Quem pensou que o governo de Michel Temer, pelo desenho inicial apenas com homens, fosse machista, enganou-se. Aos poucos a equipe vai ganhando contornos também femininos.

Foi o que aconteceu nesta segunda-feira, 16, com o anúncio da economista Maria Sílvia Bastos Marques para presidir o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, e o da educadora Maria Inês Fini para presidir o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

As duas são as primeiras mulheres a integrar o governo, após o anúncio de uma equipe ministerial composta apenas por homens. Maria Sílvia já presidiu a Companhia Siderúrgica Nacional entre 1999 e 2002. Também foi secretária municipal de Fazenda do município do Rio de Janeiro de 1993 a 1996, na gestão do prefeito César Maia.

Já Maria Inês, entre 1996 e 2002, no governo de Fernando Henrique Cardoso, atuou no Inep como diretora de Avaliação para Certificação de Competências. Coube a ela a criação e implementação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)

Experiência – Maria Silvia também já presidiu o Instituto Brasileiro de Siderurgia (IBS) e coordenou a área externa da Secretaria de Política Econômica do Ministério da Fazenda. No BNDES, a economista já integrou a área financeira e internacional do banco.

O ministro do Planejamento, Romero Jucá, disse que Maria Silvia tem experiência no setor. “É um convite para colocar alguém competente, experiente, que tem toda condição de fazer um grande trabalho no BNDES, então o presidente Michel entendeu de convidá-la. E eu considero uma ótima escolha.”

De acordo com o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, os partidos não indicaram mulheres para ocupar os ministérios. Apesar disso, Padilha disse que um dos postos mais importantes, a chefia de gabinete da Presidência, é ocupada por uma mulher, Nara de Deus Vieira.

Quanto a Maria Inês, foi fundadora da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), onde atuou de 1972 a 1996. Doutora em ciências – educação, pedagoga, professora e pesquisadora em psicologia da educação, psicologia do desenvolvimento, social e do trabalho, especialista em currículo e avaliação, com experiência em gestão educacional na educação básica e superior.

Maria Inês também é responsável pela criação e implementação do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) e foi diretora do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa) no Brasil.

Ligado ao MEC, o Inep promove estudos, pesquisas e avaliações do sistema educacional brasileiro. Além do Enem, cuida de avaliações como a Prova Brasil. Também produz os censos Escolar e da Educação Superior.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade