Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mulher

Cara lisa em homens deixa de existir com os transplantes



Atualmente, a moda hipster ganha cada vez mais adeptos no público masculino. A tendência é sinônimo de virilidade, dá aquele toque másculo e ajuda a desenhar o formato do rosto, dando volume aos maxilares e reforçando as faces quadradas, consideradas mais atraentes.

A Sociedade Internacional de Cirurgia e Restauração de Cabelo aponta na última pesquisa entre os anos de 2011 e 2014 o aumento de 196% em implantes de bigode e barba em todo o mundo. No Oriente Médio e Ásia, os fios na face são ainda mais desejados entre o público masculino, pois associam à status como prosperidade e força.

Grandes cidades têm ganhado adeptos, principalmente após a adesão ao estilo por esportistas e atores de Hollywood. Mas, para a tristeza de alguns homens, a barba cheia ou bem desenhada não é unanimidade, sendo substituída por fios espalhados, ralos e sem preenchimento. O que fazer nesses casos?

De acordo com o médico Thiago Bianco, especialista em restauração capilar, o transplante de barba é a melhor solução para reverter esse quadro. “Embora seja uma cirurgia que exige grande habilidade do médico, quando bem aplicada, traz excelentes resultados e muita satisfação pessoal”, garante o especialista.

Bianco esclarece que, há alguns anos o transplante de barba era feito para pequenas correções em falhas provocadas por cicatrizes na face. No entanto, graças ao avanço da medicina capilar em técnicas eficientes, aplicadas em pacientes sem barba nenhuma, é possível possuir fios densos e com preenchimento total.

“Os ângulos de implantação precisam seguir o padrão natural dos pelos da barba, visto que as unidades foliculares são cuidadosamente lapidadas e separadas por unidade”, exemplifica o médico. Bianco ainda reforça que, para alcançar o aspecto natural, o transplante de barba necessita de grande habilidade do especialista, sendo um procedimento realizado por poucos cirurgiões no Brasil.

Segundo o especialista, as unidades foliculares adquirem um aspecto extremamente fino, com incisão minúscula do pelo, o que não deixa marcas ou cicatrizes após a aplicação. “O paciente que faz o transplante de barba pode optar por deixá-la raspada, aparada ou comprida, vai depender do estilo que quiser seguir no momento”, conclui.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente