Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Casa e Decoração

Cromoterapia leva equilíbrio para a casa e o escritório



Carolina Paiva, Edição

Alguns dos principais fatores para escolha de paredes, móveis, papéis de paredes de objetos de decoração começam claramente no gosto pessoal e estilo de decoração de cada um. Porém, sabendo de algumas informações valiosas a respeito da Cromoterapia, uma prática de “cura” com o uso das cores, é possível criar ambientes com características únicas e torná-lo agradável, com a energia que se quer passar.

A Cromoterapia é uma técnica antiga, iniciada em grandes civilizações, como as do Egito, Grécia, China e Índia, que usavam as cores com intuito de curar doenças e harmonizar o corpo. O cientista alemão, Johann Wolfgang Von Goethe, descobriu no século 18, após 40 anos de pesquisa, que determinadas cores influenciam, sim, o organismo do ser humano. Alguns exemplos disso são: o vermelho, que tem propriedades estimulantes; ou o verde, repousantes; ou a cor amarela, que traz sensação de alegria; ou o azul, que é considerada como calmante.

Atualmente a cor do momento para a decoração é o Azul. Na Cromoterapia, o azul é a primeira cor fria, e trabalha com emoções e sentimentos, por sua sutileza. Ela é considerada assim pois, nos ambientes em que é inserida, acalma, relaxa a mente e o corpo. Por seus benefícios, a cor azul possui diversas propriedades terapêuticas, como limpar as impurezas do organismo, além de atuar no sistema nervoso, diminuindo batimento cardíaco, e, em conjunto com o verde, ajuda até mesmo a controlar a pressão arterial. Por fim, o azul também energiza e melhora dores de cabeça, musculares, tensões do dia a dia e cólicas menstruais, portanto é uma cor chave para decorar, já que só traz benefícios.

As lojas que atuam no setor possuem luminárias para todos os gostos e ambientes. Não é só em casa que se deve variar a cor da iluminação e apostar no azul ou verde. Alguns locais de trabalho já estão inserindo essas mudanças para trazer a paz e a harmonia necessária para algumas tomadas de decisões”, explica Michele Kothen, empresária da área. “Às vezes é preciso energizar, motivar e em outros casos é preciso relaxar e a mudança das cores seja na escolha dos objetos de decoração, pisos e móveis faz toda a diferença nessa hora”, complementa.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente