Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Rio

Paes vai ter que responder por improbidade administrativa



O Ministério Público Estadual entrou com ação na 5ª Vara de Fazenda Pública contra o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, por improbidade administrativa. O chefe do Poder Executivo carioca teria assumido gastos de R$ 7,8 milhões na parte da saúde da organização da Jornada Mundial da Juventude – que ocorreu em julho do ano passado – que deveriam ser pagos pela Igreja Católica e a empresa Dream Factory.

A Prefeitura informou que “considerando o caráter público e a complexidade de um evento do porte da Jornada Mundial da Juventude, assumiu a prestação de serviço de atendimento médico assim como acontece em grandes eventos como o réveillon, Carnaval e grandes shows”. A contratação, segundo o Executivo, de empresas prestadoras de serviço foi realizada por meio de licitação.

 

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente