Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasília

Ex-deputado Xavier pega 15 anos por morte do amante da mulher



O Tribunal do Júri de Samambaia condenou na madrugada desta terça-feira (8) o ex-deputado distrital Carlos Pereira Xavier a 15 anos de prisão. Ele é acusado de mandar mandar um adolescente de 16 anos, identificado como amante da então mulher dele.

O crime aconteceu em 2004, quando Xavier ocupava o cargo de deputado pelo PMDB. A Câmara Legislativa cassou o mandato do distrital após a denúncia. Foi o primeiro caso de perda de mandato na Casa.

O ex-deputado afirmou que é inocente e que aguarda há dez anos pelo julgamento. Ele diz que foi incriminado, que não há provas contra ele e que nunca teve contato com o autor do crime.

“Estão me acusando, mas nunca ameacei ninguém, jamais, sou uma pessoa cristã”, disse o ex-deputado. Segundo Xavier, o adolescente nunca foi amante da ex-mulher, que estava envolvida com outro homem.

Segundo a acusação, o ex-deputado resolveu contratar alguém para executar o crime após se tornarem públicos supostos casos de relacionamentos extraconjugais da mulher dele com adolescentes, incluindo a vítima.

A acusação apontou que Xavier contratou Eduardo Gomes da Silva, conhecido como Risadinha, já condenado a 19 anos e três meses de prisão, por R$ 15 mil para executar o adolescente. De acordo com a denúncia, Silva pagou R$ 2 mil para Leandro Dias Duarte, condenado a 15 anos de detenção, e para um adolescente cometerem o crime. O autor do disparo, de acordo com a acusação, foi o adolescente.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2021 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente