Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


São Paulo

Explosão em tubulação de gás deixa saldo de 9 feridos no centro



A explosão provocada por um vazamento de gás de um duto subterrâneo no centro paulista, deixou 9 pessoas feridas. As informações são das assessorias de imprensa da Polícia Militar e da Companhia de Gás, Comgás.

Mais de dez equipes de resgate foram enviadas ao local para dar suporte e socorrer os feridos. Segundo a TV Globo, ao menos quatro quarteirões foram interditados, por medidas de segurança.

A companhia disse que está dando “todo o auxílio a quem se machucou”. Entretanto, as informações sobre o estado de saúde das vítima e o local para onde foram levadas não foram passadas.

A Comgás afirmou que a explosão aconteceu, por volta das 5h, horário m que uma equipe da empresa já estava no local para tentar conter o vazamento, o qual começou, segundo informações da própria Companhia, às 2h40.

“As vítimas foram prontamente atendidas e o fogo foi controlado”, segundo a Comgás.  As causas da explosão estão sendo apuradas e, uma das hipóteses, aponta o contato de alguma faísca com o gás que estava vazando.

Confira, na íntegra, a nota oficial divulgada pela Comgás:

“A Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) informa que hoje, por volta das 2h40, recebeu um chamado sobre cheiro de gás na rua do Glicério, esquina com rua Barão de Iguape, na região central de São Paulo.

Uma equipe técnica foi imediatamente enviada para o local para identificação da ocorrência. 

Por volta das 5h foi registrada uma explosão na rua do Glicério, altura do número 741, que resultou em nove feridos. As vítimas foram prontamente atendidas e o vazamento foi controlado as 6h com eleminação total do risco.

A Comgás esclarece que está acompanhando o atendimento aos feridos e aos atingidos e prestará suporte às autoridades  na investigação do caso.”

 

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente