Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Eleições 2014

Henrique caminha para derrota; Robinson será eleito, diz pesquisa



Uma pesquisa Ibope divulgada mostra que o vice-governador Robinson Faria (PSD) continua liderando a disputa do governo do Rio Grande do Norte, com 54% das intenções de voto válidos, neste segundo turno. O presidente da Câmara de Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB), obteve 46%.

Segundo o Ibope, para obter os percentuais foram excluídos da amostra os votos brancos e os nulos, além dos eleitores que se mostraram indecisos.

Ao serem incluídos os votos brancos, os nulos e indecisos, Faria obteve 47% das intenções de voto, enquanto Alves ficou com 40%.

Os votos brancos e os nulos somaram 10% e indecisos, 3%. O levantamento foi encomendado pela emissora de televisão Inter TV Cabugi (afiliada da Rede Globo no Estado).

A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O levantamento ouviu 812 pessoas, entre os dias 19 e 24 de outubro, em 39 municípios do Rio Grande do Norte.

Segundo o Ibope, o nível de confiança é estimado em 95%. A pesquisa foi registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o protocolo RN-00046/2014.

Essa é a segunda pesquisa eleitoral realizada pelo Ibope para medir as intenções de voto neste segundo turno no Rio Grande do Norte.

Na primeira pesquisa, divulgada no dia 15, Robinson Faria aparece com 54% e Henrique Eduardo Alves, 46% dos votos válidos.

Ao incluir brancos, nulos e indecisos, a pesquisa apontou Faria 45% e Alves, 38%. Votos brancos e nulos somaram 12% e não sabe ou não respondeu, 5%.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente