Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mulher

Homens fazem fila em salões para as festas de fim de ano

Foto/Divulgação
Carolina Paiva, Edição

Se há alguns anos marcar horário no salão para arrumar o cabelo antes das festas de fim de ano era um costume majoritariamente feminino, agora, homens também têm procurado esse tipo de serviço para comemorações especiais. O setor de beleza voltado para o público masculino tem crescido cada vez mais no país, e um indicativo disso é a quantidade de barbearias que abriram em São Paulo nos últimos tempos.

E quem pensa que a visita a uma barbearia se resuma apenas ao cuidado com a barba de fato, está enganado, como explica a proprietária da rede Garagem Barba, Cabelo e Bem-Estar, Fernanda Dib: “Os homens definitivamente assumiram a vaidade e estão investindo em outros serviços. Um homem que só cortava o cabelo agora também faz o pé, tira sobrancelhas, depila o corpo, investe em luzes e também em uma massagem relaxante, tudo para se preparar para a noite do dia 24 e para o período de férias”. Inclusive, 70% dos horários das 9 unidades da rede estão reservados entre os dias 23 e 24 de dezembro.

Nos últimos cinco anos, o faturamento do setor de beleza masculina cresceu 94,4%. Saltou de R$ 10,07 bilhões para R$ 19,6 bilhões no período entre 2011 e 2016, de acordo com pesquisas do Euromonitor Internacional. “Cada vez mais, o público masculino se conscientiza da importância desses tratamentos para o fortalecimento da autoestima, do bem-estar, da saúde e do sucesso pessoal e profissional”, explica João Carlos Basilio, presidente executivo da ABIHPEC (Associação da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos).

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente