Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Japoneses abrem os olhos e saem em defesa do casamento gay



Cerca de 3 mil japoneses desfilaram neste domingo (26) em Tóquio na parada do orgulho gay anual e exigiram a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo, proibida no país. A multidão colorida atravessou Shibuya, bairro central de Tóquio, com bandeiras com as cores do arco-íris em uma atmosfera de carnaval.

Há uma semana, um casal de lésbicas fez seus votos simbolicamente na presença de 80 familiares e amigos em Shibuya, uma iniciativa que não é legalmente reconhecida no Japão, um país que, no entanto, é muito tolerante em questões de homossexualidade.

Casamentos entre pessoas do mesmo sexo são proibidos pela Constituição japonesa.

“Queremos apenas viver com um ser amado. Mas a lei nos proíbe. Estamos frustrados e não sabemos o que fazer”, reclamou neste domingo Fumino Sugiyama, um transexual de 33 anos.

No mês passado, as autoridades deste distrito de Tóquio votaram uma resolução que autoriza a entrega de uma certidão de casamento para casais homossexuais.

Outras autoridades administrativas, como o distrito vizinho de Setagaya ou Yokohama, nos arredores de Tóquio, também expressaram o desejo de reconhecer casais gays.

A Constituição do Japão afirma que o casamento só é legítimo se for de consentimento mútuo entre pessoas de sexos opostos.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente