Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Massa é 8º em treino liderado por Hamilton e que viu Alonso sorrir

Publicado

Foto/Imagem:


Assim como no primeiro treino livre do GP da Espanha, em Barcelona, os dois pilotos da Mercedes – Lewis Hamilton e Nico Rosberg – dominaram as atividades. Depois deles foi comprovado mais um destaque: a reação dos pilotos da Ferrari, Fernando Alonso e Kimi Raikkonen, que mantiveram o bom desempenho nas atividades.

O segundo treino começou com mudanças previsíveis em relação ao primeiro: Vettel ficou de fora, por causa do problema mais cedo; e o brasileiro Felipe Nasr deu lugar ao titular Valtteri Bottas na Williams. Além disso, a postura dos pilotos também mudou, já que eles fizeram voltas mais rápidas e simulações de corrida.

O primeiro a correr abaixo da média do primeiro treino foi Daniel Ricciardo, da Red Bull, que fez 1min26s509. Mas logo as Mercedes seguiram a rotina de dispararem na frente: Hamilton fez 1min25s524, e Rosberg conseguiu 1min25s973. A reação da Ferrari aconteceu depois disso, mas Alonso (1min27s121) e Raikkonen (1min27s296) estiveram longe de alcançar os três melhores do treino.

Houve poucas escapadas ou acidentes durante o treino. Apenas pilotos de equipes pequenas, como Marcus Ericsson, Kamui Kobayashi e Max Chilton, derraparam. O último inclusive deixou um pedaço do carro na pista, o que gerou um rara momento de emoção, já que o fiscal correu para retirar o objeto.

Na meia hora final do treino os pilotos pararam de fazer voltas mais rápidas e testaram a durabilidade dos equipamentos, pensando na corrida.

Felipe Massa foi coadjuvante durante todo o treino e no máximo ficou entre os dez melhores colocados. Dessa forma, terminou em oitavo, com 1min27s824.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade