Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasília

Michel adverte Buriti e descarta votação para a Luos a toque de caixa



A possível votação da Lei de Uso e Ocupação do Solo do Distrito Federal – LUOS, na sessão ordinária da Câmara Legislativa esquentou os ânimos dos deputados da situação e oposição, nesta terça-feira 24.

Pelo que se viu e ouviu, é pouco provável e o projeto, forjado no Palácio do Buriti, seja aprovado às pressas pelos deputados distritais, como pretennde o governador Agnelo Queiroz.

O grau de insatisfação é alto. Um exemplo foi dado pelo deputado Dr. Michel (PP), da base governista. Relator da matérias na Comissão de Orçamento, Economia e Finanças, o parlamentar se posicionou de forma contrária à votação da proposta às pressas, sem os debates e a devida apreciação das propostas do Executivo.

Conhecido como o Xerifão do Legislativo brasiliense, Michel voltou a criticar o fato de a Câmara ter realizado audiências públicas nas regiões administrativas, para que a população destacasse as necessidades e prioridades da comunidade, sem que as propostas da sociedade tenham sido acatadas.

– Não adianta a gente ouvir o povo e passar a borracha no que foi dito.  É preciso que as sugestões sejam contempladas no projeto encaminhado à votação pelo Governo. Se não for assim, o que adianta realizar as audiências públicas?, indagou o parlamentar.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente