Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


São Paulo

Polícia pega suspeito de mortes em série na região do Brás



A Polícia Civil de São Paulo prendeu, na noite desta quarta-feira, um homem acusado de participar de pelo menos duas das quatro mortes registradas na região do Brás nos últimos dias. A polícia desconfia de que os assassinatos tenham ligação, já que todas as vítimas foram mortas com um golpe de faca no pescoço em uma região muito específica do bairro. As informações são do Bom Dia SP.

O homem detido é pernambucano, tem 19 anos, e passou a noite toda prestando depoimento no Departamento de Homicídio e de Proteção à Pessoa (DHPP). Segundo a polícia, ele estava com facas que podem ter sido utilizadas nos assassinatos.

Ele foi preso na rua Conselheiro Belizário, mesmo local onde um travesti foi atacado na madrugada do último domingo. No dia do crime, uma câmera de segurança registrou o ato. As imagens mostram duas pessoas atrás de uma caçamba de entulho na madrugada de domingo, onde há uma luta e o travesti leva os primeiros golpes de faca. A câmera registrou a vítima correndo, sendo perseguida pelo criminoso, até levar os últimos golpes.

Além do travesti, o jovem é apontado como autor da morte do músico Aislan Dantas dos Prazeres, 35 anos, encontrado na madrugada do dia 23 de fevereiro, na Rua Oriente. No mesmo dia, o vendedor Walter Rodrigues Torres, 46 anos, foi achado ferido na rua Joaquim Nabuco. A vítima foi socorrida e morreu no hospital.

A outra morte ocorreu no dia 28 de fevereiro. Um homem, que seria um morador de rua, foi atacado na rua Coronel Trancoso.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2021 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente