Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


São Paulo

Populares espancam ‘bruxa’ e vítima morre em hospital



Morreu nesta segunda-feira a mulher espancada no último sábado no Guarujá após boatos de que praticaria magia negra. Fabiane Maria de Jesus, 33 anos, que se encontrava em coma induzido e em estado gravíssimo, não resistiu aos ferimentos.

A mulher havia sido espancada por moradores do Guarujá, na Baixada Santista, depois de confundida com suspeita de ter sequestrado uma criança no bairro de Morrinhos para praticar rituais de magia negra. O caso foi registrado na noite de sábado e teria sido motivado por uma publicação no Facebook. Na mensagem postada na rede social, uma página mostrava a foto de uma mulher parecida com a que foi agredida.

Os moradores reconheceram uma vizinha como a mulher da foto. Fabiane foi amarrada, arrastada e espancada por um grupo de pessoas após a divulgação da imagem, segundo a Polícia Civil. Ela sofreu traumatismo craniano e está internada em estado grave na UTI do hospital Santo Amaro.

“Pegaram a pessoa errada, ela não é a sequestradora. Eu conheço ela, ela tem problemas (transtorno bipolar) mas ela não faz mal a ninguém. Ela tem 2 filhas, é uma mãe de família casada. Agora no lugar de irem lá no hospital saber mais do caso dela e conhecer a família dela, não, ficam aí falando besteira”, afirmou uma internauta na página que divulgou o caso mais cedo.

O caso se espalhou a partir de uma postagem na página Guarujá Alerta. Os administradores garantem que sempre alertaram os seguidores de que a situação era apenas um boato, mas teria publicado um retrato falado semelhante ao da vítima. A imagem não está mais disponível.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente