Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Automobilismo

Proczyk e Bleekemolen vencem etapa de Brands Hatch



Hari Proczyk e Jeroen Bleekemolen não tiveram problemas para conduzir a Lamborghini #28 para a segunda vitória do dia na etapa de Brands Hatch do Mundial de GT. Depois de garantir a primeira posição no grid pela manhã, a dupla mais uma vez foi dominante e ficou com a vitória na corrida principal no circuito inglês. A Mercedes de Maximilian Buhk e Maximilian Götz até tentou acompanhar o ritmo dos ponteiros, mas não teve desempenho suficiente para brigar pela liderança e precisou se contentar com a segunda posição. Já Sérgio Jimenez e Cacá Bueno mais uma vez tiveram boa atuação e completaram o pódio, repetindo o feito de horas antes.

No início da prova, os primeiros colocados andaram próximos, mas não houve briga real por posições. De BMW, a equipe brasileira fazia bonito com Matheus Stumpf em terceiro e Sérgio Jimenez em quinto, tentando acompanhar Lamborghini e Mercedes. Só Proczyk que tentava (e conseguia) se descolar um pouco mais dos adversários. A corrida foi morna para os cinco primeiro até a abertura da janela de pit-stop. Nessa hora tudo mudou.

Faltando 33 minutos para o fim da prova, o líder foi para os boxes fazer a troca de pneus e entregar o carro para Bleekemolen. Na volta seguinte, Stumpf antecipou a Mercedes e fez a parada para Valdeno Brito assumir o carro #30. Buhk entrou depois e se deu mal. Quando retornou à pista, encontrou Brito na frente, em segundo. Giorgio Pantano passou o carro a Fabio Onidi em quarto, mas logo após sair do pit, a roda traseira esquerda escapou e Onidi ficou com a corrida comprometida. Sorte de Cacá, que pulou para quarto.

Enquanto Bleekemolen abria vantagem, Brito parecia satisfeito com o segundo lugar. Até que veio um comunicado da direção de prova punindo o brasileiro com uma passagem pelo pit por uma irregularidade na parada. Um fiscal viu o piloto ajustar o cinto de segurança com o carro em movimento, o que não é permitido pelo regulamento. A penalização custou o pódio ao carro #30. Assim, Cacá Bueno herdou uma posição foi para terceiro. Brito acabou em oitavo.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2021 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente