Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Eleições 2014

Rollemberg dispara no Ibope com 52%, contra 35% de Jofran Frejat



O senador Rodrigo Rollemberg (PSB) venceria as eleições para o governo do Distrito Federal, com 52% dos de votos se o segundo turno fosse hoje, aponta pesquisa Ibope/Globo divulgada nesta segunda-feira (13). Jofran Frejat (PR) tem 35% das intenções de voto e perderia o pleito.

Brancos e nulos somaram 8% e 5% dos entrevistados não souberam ou não responderam em quem votariam. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Brancos e nulos somam 8% e os indecisos 5%.

Se forem considerados apenas os votos válidos, Rollemberg teria 60% dos votos e Frejat, 40%.

Para o cálculo desses votos são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

A pesquisa também mediu a taxa de rejeição dos dois candidatos. Entre os entrevistados 39% afirmou que não votaria de jeito nenhum em Frejat. Rollemberg tem 26% de taxa de rejeição. Não souberam ou não responderam 16% dos eleitores e 21% deles afirmaram que poderiam votar nos dois.

O Ibope ouviu 2.002 eleitores em todo o Distrito Federal entre os dias 10 e 12 de outubro. O levantamento foi registrado no TRE-DF (Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal) com o número DF-00081/2014 e no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR-01085/2014. O nível de confiança é de 95%.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente