Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Curiosidades

Sinais de rádio além da Via Láctea fazem supor a existência de ETs



Uma série de sinais pulsantes vindos de fora do sistema solar que tem sido captada pelos cientistas desde 2007 revelou um padrão inexplicável, segundo revelaram astrônomos nesta semana. As informações são do Daily Mail.

As chamadas explosões rápidas de rádio (FRB, em inglês) são raios brilhantes que duram menos de um milésimo de segundo, e foram registradas por 10 vezes pelos telescópios.  Os cientistas ainda não conseguiram entender a causa dessas explosões e, agora, outro mistério envolvendo as FRB foi levantado, já que as medidas de dispersão de todos os fenômenos registrados são múltiplas de 187,5.

A descoberta foi feita por Michael Hippke do Instituto de Análise de Dados, em Neukirchen-Vluyn, Alemanha, e John Learned, da Universidade do Havaí.  Segundo eles, a probabilidade de tal dado numérico ser “coincidência” é de 5 em 10 mil.

“Se o padrão for real, será muito, muito difícil de explicar. Isso poderá ser parte de uma Nova Física, um novo tipo de pulsar, ou, por fim, se excluirmos todas as possibilidades, pode ser vida extraterrestre. Há algo realmente interessante para entendermos. Quando você começou a procurar algo novo, você pode encontrar algo inesperado”, disseram os cientistas.

Sobre as explosões rápidas, os astrônomos apontam que existem chances de serem causadas pelo colapso de uma estrela de nêutrons com um intenso campo, ou seja, corpos extremamente massivos, de campo gravitacional muito forte, que apresentariam explosões durante a morte de uma estrela, em alguma galáxia a bilhões de anos-luz do sistema solar.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente