Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Polícia identifica suspeitos que espalharam terror em Paris

Publicado

Foto/Imagem:


Três suspeitos pelo ataque terrorista à revista Charlie Hebdo foram identificados, segundo informações da imprensa francesa. Eles seriam os irmãos Chérif e Hayd Kouachi, de 34 e 32 anos anos, além de Hamyd Mourad, de 18 anos, que seria um sem-teto. Eles seriam da região de Gennevilliers, no noroeste de Paris. As autoridades ainda não confirmaram se o trio foi preso. As fotos dos irmãos Kouachi, que nasceram na capital francesa, foram vazadas em redes sociais.

À Reuters, uma fonte da polícia francesa afirmou que um dos irmãos tinha sido previamente julgado por acusações de terrorismo. O trio seria militante do movimento fundamentalista islâmico.

A polícia realiza uma grande operação para deter os suspeitos de terem invadido a redação da revista e matado 12 pessoas, incluindo dois policiais. O editor Stephane Charbonnier, conhecido como Charb, foi um dos doze mortos por homens encapuzados que invadiram a sede da publicação, em Paris, capital da França.

A Charlie Hebdo era conhecida por fazer duras críticas a religiões, incluindo o Islã. Em 2011, após a publicação de uma charge contra um líder muçulmano, a revista foi alvo de um atentado a bomba. Na ocasião, ninguém ficou ferido.

Os homens armados fugiram em direção aos subúrbios ao leste de Paris após roubarem um carro, de acordo com a polícia.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade