Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Tiraram Massa do treino. Em 16º no grid, brasileiro se irrita

Publicado

Foto/Imagem:


O 16º lugar no grid de largada para o Grande Prêmio de Mônaco deixou Felipe Massa absolutamente insatisfeito – não apenas pela posição em si, mas pelas circunstâncias que a definiram.

Massa havia passado pelo Q1 com a 10ª colocação, mas foi atingido pela Caterham do sueco Marcus Ericsson antes do fim da primeira parte do treino.

Sem conseguir levar a Williams de volta para os boxes, acabou excluído do Q2 e ficou com a última posição dentre os 16 pilotos que passaram para a segunda parte do treino de classificação.

O acidente deixou Massa extremamente irritado. Ele explicou que abriu passagem para Ericsson na Curva Mirabeau, antes da entrada do túnel, e responsabilizou o estreante pela batida.

“O que eu posso dizer? Saí para deixar o cara passar, o cara passa e me jogo para fora da pista. Não tem nada pra falar”, disse Massa, que afirmou que, embora não tivesse carro para estar “lá na frente”, contava com um carro competitivo em mãos. “Sem dúvida, era para ser bem melhor do que foi. Mais uma (corrida) jogada no lixo”, completou.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade