Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Vasco passa pelo Boa Esporte, vira líder e seca Ponte Preta

Publicado

Foto/Imagem:


O Vasco sofreu para vencer o Boa Esporte nesta sexta-feira por 2 a 0, em São Januário. O primeiro gol da partida saiu já no fim, aos 41min do segundo tempo, após cobrança de falta de Douglas. A bola passou por todo mundo e entrou sem ter tocado em ninguém. Já nos acréscimos, Edmilson fez o segundo e encerrou o duelo.

Com o resultado, o Vasco foi aos 54 pontos assumiu a liderança da Série B, pelo menos até esse sábado. Para se manter na ponta, o Cruzmaltino terá que torcer contra a Ponte Preta, com 53, que recebe o Santa Cruz. Um empate em Campinas já favorece o rival, com número de vitórias superior ao dos cariocas.

Mesmo jogando fora de casa, foi o Boa Esporte quem iniciou o jogo partindo para o ataque. Em dois minutos de jogo, os mineiros tiveram boas oportunidades para abrir o placar. A melhor foi com Betinho, que carimbou o travessão de Jordi, substituto de Martín Silva, na seleção uruguaia.

Após o susto, o Vasco conseguiu equilibrar as ações. Kleber teve oportunidade de alegrar a torcida, mas pecou na finalização e acertou o goleiro Emerson. Mas quem estava mesmo querendo jogo era Maxi Rodríguez. O uruguaio estava arisco e armava as melhores jogadas do Cruzmaltino. Mas não foi o suficiente para conquistar a vitória provisória.

As equipes voltaram para o intervalo e mexeram nas escalações. Joel Santana colocou o Vasco ofensivo ao sacar o volante para a entrada do atacante Edimilson. Já o Boa Esporte trocou de volantes: William Magrão por Jalido. Os donos da casa passaram a povoar mais o campo ofensivo, mas tinha dificuldade na criação das jogadas.

Aos 10min, o Vasco teve sua melhor chance. Douglas apareceu na área e desviou após cruzamento, mas a bola bateu caprichosamente no travessão. Pressionado e repleto de desfalques, o Boa Esporte via o empate como bom resultado e passou a fazer cera a cada possibilidade.

Joel Santana tentou mudar novamente a equipe. Saíram Maxi Rodríguez e Kleber para as entradas de Montoya e Lucas Crispim. A torcida não gostou e chamou o treinador de “burro”.  Mas foi no fim do jogo que o Vasco deu alegria aos torcedores. Douglas cobrou falta aos 41min. A bola passou por todo mundo e estufou a rede para delírio dos vascaínos. Edmilson ainda marcou o segundo para dar números finais ao duelo.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade